Poema: Não Querer Mais Dor

Chove copiosamente

Parece que o tempo está a emular o meu sentir

Choramos

O tempo com a sua água poluída

E eu sem lágrimas

Mas choro

Choro sem lágrimas mas com emoções

O meu coração chora

E o meu cérebro está dormente

Já não é a primeira vez

Talvez nem seja a última

Pouco importa

É só mais uma razão

Para não investir no amor

Não querer amar

Não querer mais dor

 

 

 

 

 

2 Comments

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s